14 de mai de 2012

Pavê de pêssego

No Dia das Mães, fiquei com vontade de comer aquelas sobremesas de antigamente, sabe? Daí me veio na minha memória o pavê de pêssego da minha mãe. - Mãe, como é a receita do pavê? - Ah, é só fazer aquele creminho com gemas... Mas eu não sei fazer creminho nenhum sem receita certa. E foi então que ela resgatou  na gaveta uma revista de 1900 e bolinha com a receita. E eu acreditei. Fiasco total. Eu e Lola na cozinha e tudo desandando, no melhor estilo "mamãe, mamãe, mamãe, eu te lembro o chinelo na mão; avental todo sujo de ovo!".

Algumas latas desperdiçadas de leite condensado e creme de leite depois, decidi fazer um mix de receitas da internet com a que estava na caixinha do leite Moça. Vou confessar, não ficou igual ao da minha mãe, mas ficou bem bom, menos doce, apesar de todo açúcar e leite condensado. Fez sucesso - papi diabético comeu dois potinhos - e eu matei minha vontade.
Pavê de pêssego
Para oito porções
O que usar:
Para o creme
- 3 gemas;
- 1/2 col. (sopa) rasa de Maizena;
- 1 lata de leite condensado;
- 1 lata de creme de leite;
- a mesma medida de leite;

Para a cobertura:
Fazer chantilly com 500 ml de creme de leite fresco gelado e 4 col. (sopa) de açúcar. Receita passo a passo aqui.
OU
- 3 claras;
- 5 col. (sopa) de açúcar;
- 1 lata de creme de leite;

Mais:
- 1 pacote de bolacha champagne;
- 1 lata de pêssego em caldas (usei 2);
- amêndoas laminadas para finalizar;

Como fazer:
1. Separe as gemas das claras. Em uma panela, junte as gemas, o leite e a Maizena (vale dissolver a Maizena no leite antes). Mexa sem parar até o creme engrossar. Dica: fique esperta! =) Desligue o fogo e junte o leite condensado e, quando o creme tiver amornado, o creme de leite. Reserve.
2. Bata as claras na batedeira, adicione o açúcar e, sem bater, o creme de leite. De cobertura eu também usei o mesmo creme do recheio em alguns potinhos...
3. Corte os pêssegos em lâminas e regue as bolachas na calda do pêssego.
4. Monte em camadas: bolachas úmidas, pêssegos, creme; bolachas, pêssegos, creme. E finalize com pêssegos e amêndoas laminadas.
5. Leve à geladeira por, no mínimo, seis horas. De preferência, faça a receita de véspera. E bom revival para você.

6 comentários:

  1. Não experimentei, não sobrou!! Papai comeu tudo!!! Acho que foi sobremesa de dia dos pais...

    ResponderExcluir
  2. Adorei o blog, visitei todos os posts hoje. Estou pensando em uma festinha para meus gêmeos agora em junho e ela será toda feita por mim, em casa mesmo, no maior estilo anos 80. Estou cansada dos modelitos padronizados das festas de hoje... Galinha pintadinha, cocoricó e outras cositas mais... Os adultos criam umas necessidades nas crianças que me cansam muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom receber sua mensagem, Ela! Muito obrigada. Também acho visível que muitos pais transferem suas necessidades e frustrações para os filhos. Boa festinha 80's para vc. Bjão.

      Excluir