13 de mai de 2011

Tre Bicchieri

O Tre Bicchieri tem o selo Fasano de qualidade, mas não faz parte do grupo. É que seus três sócios - ou suas três taças -, depois de trabalharem como gerente, chef e sommelier de casas do grupo, decidiram unir suas experiências em um vôo solo, no Itaim. Com paredes terracota com louças da Toscana, uma adega envidraçada para o salão e ambiente aconchegante, o Tre Bicchieri serve pratos clássicos italianos e, desde sua inauguração, tem angariado aplausos da crítica.
O atendimento é impecável, do tipo garçom-fantasma. No que você vê, sua taça está cheia, sem você notar. Para mim, é o melhor tipo de atendimento, sem bajulação. O serviço, o currículo e o know-how dos proprietários talvez explique porque boa parte do PIB paulistano estacionam seus carrões na porta do restaurante. Na foto, a entrada mais exótica, carpaccio de polvo, aprovado pela Gabi.
Mas, apesar dos empresários famosos, dos seguranças em vigília, os preços do restaurantes não são abusivos. Entradas custam cerca de R$ 25 e pratos, R$ 50. O marido foi de rigatoni com lascas de bacalhau, alcaparras e brócolis e estava divino.
Todos os pratos fizeram sucesso, como o papardelle com ragú de coelho e pimenta verde, pedido pelo meu pai. A única decepção foi o meu prato, spaguetti ao vôngole com lula e pimenta. Não vi lula, não senti a pimenta e achei o vôngole com "areia" demais e insosso. Já comi melhores, com certeza.
Todas as sobremesas também estavam ótimas, como essa massa folhada e o petit gateau de laranja, meu pedido, que me fez esquecer da frustração do prato principal.
O Tre Bicchieri, no entanto, não é nada child friendly. Apesar do garçom ter sido ultra atencioso, ter pedido especialmente para a Lorena uma polentinha deliciosa - e trazido o prato muito rapidamente -, não há nenhum cadeirão disponível. Como sou uma mãe esperta, levei a cadeirinha portátil de mesa, o que me salvou. No domingo em que estive no restaurante, havia mais um bebê, no carrinho, e alguns teens comportados brincando com seus joguinhos eletrônicos portáteis enquanto seus pais almoçavam. É um restaurante adulto.

No andar de cima do sobrado, no hall que leva aos banheiros, caixas de vinho servem de caxepôs. Idéia linda e simples. Para completar a decoração, muitos quadros, um espelhão e um lustre rococó. Bom gosto também é o forte do restaurante.

* O Tre Bicchieri fica na Rua General Mena Barreto, 765, bem próximo ao cruzamento da Brigadeiro Luis Antônio e Santo Amaro.

4 comentários: