6 de abr de 2011

Due Cuochi

São Paulo pode ser gigante, mas vai escolher um restaurante bacana para ir com uma criança de 2 anos... Aquele charmoso delícia de Higienópolis? Nem pensar! O italiano premiado que está na moda? Imagina! Só de pensar na Lorena correndo entre as mesas cheias de taças de cristal me dá arrepios! Por isso pensamos e repensamos no endereço para comemorar o aniversário da caçula lá de casa, a Fafá.
E acabamos por escolher um restaurante em shopping. Cafona? Não! Confesso que tinha maior preconceito pelo Shopping Cidade Jardim por esse negócio de ser "novo templo de luxo", "ter a filial da Daslu", Xanéus, Gutis e afins. Mas um dia decidi ir conhecê-lo e adorei. Ele tem tudo isso, mas tem Lanchonete da Cidade, tem Hering (adoro!), Zara (!) e um jardim lindo no meio de tudo isso. E, no terraço, tem o Due Cuochi, restaurante premiadíssimo.
O restaurante é todo envidraçado, parte para o terraço do shopping, que tem ampla área para pega-pega e pique-esconde - e uma jaboticabeira linda-, e parte para a marginal. Uns podem torcer o nariz, mas acho demais ter horizonte em São Paulo, ainda que seja com vista para um rio poluído. O restaurante estava lotado, com muitos carrinhos, crianças, famílias (e suas babás).
O Due Cuochi tem aqueles cardápios difíceis, amplos, com muitas opções de massas, carnes e alguns pescados. De entrada, metade da mesa optou pela poletinha cremosa com ragu de cogumelos e gorgonzola. Zero arrependimento. Outro prato que fez sucesso foi o ravioloni de gema de ovo caipira na manteiga e sálvia perfumado com azeite de tartufo branco. Ao cortar, a gema escorria pelo prato, para delírio do marido-lagarto.
Entre as 8 diferentes pedidas de pratos principais, oito aprovações. A aniversariante adorou o nhoque de mandioquinha com tiras de filé mignon e cogumelos paris e o marido dela, o stinco de vitelo com purê de batatas e trufas negras, aquele da foto ali no alto.
Mas o que achei mais bacana é que, além dos clássicos, há pratos com misturas diferentes, o que eu adoro. O meu ravióli era de camarões e chutney de manga com tinta de lula. Sou palpiteira, então diria que poderia ter mais chutney no recheio, pois adoro misturas agridoces. Tanto que, da próxima vez, vou pedir outro ravióli, o recheado com maçã e shimeji ao molho de gorgonzola doce que a Mari pediu. Leve e divino.
Para finalizar, petit gateau de limão siciliano com sorvete de baunilha e souflé de chocolate delícia. Mega bom.
Com tantos prêmios e pela localização, é claro que o Due Cuochi não é um restaurante barato. Entradas de R$ 24 a R$ 38 e pratos a partir de R$ 40. Comida excepcional, mas esperava muito mais do serviço. Pelo menos no dia que fomos era preciso se esforçar um pouco para ser atendida pelos garçons. Disseram que não tinham sucos, por um problema na cozinha. Mas, em seguida, surgiram sucos na mesa próxima. Eu super recomendo, mas acho que um restaurante desse naipe tem de ter atendimento impecável. E não estou falando de bajulação, mas de competência e agilidade.

* A matriz do restaurante é bem pequena e fica no Itaim-Bibi, na Manoel Guedes, 93.

4 comentários:

  1. Nossa Re, que doido! Minha mãe e irmã foram nesse restaurante no sábado e adoraram! Depois pegaram um cineminha vip, com direito a poltrona totalmente reclinável, e me disseram que também é delícia!

    ResponderExcluir
  2. A comida é MARAVILHOSA!!! Quero voltar.

    ResponderExcluir
  3. Rê, que bom que vc me deixou um recadinho no Quitandoca. Eu tbém acompanho vc e sua irmã faz um tempão. Não é sempre que dá pra deixar recado, né? Comigo tbém acontece o mesmo.

    Me senti orfã qdo vi que o Frango ia acabar, mas é isto ai, novas metas, novos objetivos. Acompanho o blog das duas!

    Bjao pra vc, Glau

    ResponderExcluir
  4. Natalia, acho que dormiria no cinema depois desse almoço!!! rs

    Gabi, qual era seu prato mesmo? Alguma coisa com costela, não era?

    Glau, passei lá depois do post que vc fez para a Lú. E vi como o blog está profissa. Adorei, parabéns!

    ResponderExcluir